Os 3 tipos de cerca elétrica rural e os produtos básicos para construção

A Cerca elétrica rural é a ferramenta mais versátil e com melhor custo benefício disponível hoje no mercado para o produtor rural na contenção de animais.

Como é sabido, ela é utilizada para proteger plantações da invasão de animais selvagens, como javalis, por exemplo, para contenção de uma variedade de animais (galinhas, ovelhas, búfalos, coelhos, cachorros, etc), mas, principalmente para divisão de piquetes no pastejo rotacionado de gado de leite e também de corte.

O pastejo rotacionado além de intensificar o uso do pasto, que diminui custos e aumenta a produtividade de carne ou leite por hectare, também soluciona muitos outros problemas enfrentados por quem faz manejo extensivo de animais.

No manejo extensivo, com cerca convencional a liberdade que o animal tem de pastar em uma grande área de terra, exige maior quantidade de mão de obra, o que impacta em alto custo ao produtor, como á área de terra explorada é muito grande, o animal gasta mais energia, tem maior risco de se machucar, e se a cerca tradicional é de arame farpado este risco aumenta muitas vezes, pois machucar o couro pode ser a porta de entrada para muitas doenças, além do prejuízo ao vender o couro danificado.

Outro porém do manejo extensivo é baixa utilização do potencial da área com relação ao pasto, pois, o gado pisotea muito, comem o pasto de forma desproporcional e acaba tendo baixa produtividade, problemas estes, solucionados inteiramente com o uso do pastejo rotacionado, onde a grande área é subdividida em áreas menores, denominadas piquetes cercadas com cerca eletrificada.

A cerca elétrica é essencial para o manejo rotativo, pois é ela quem permitirá a contenção dos animais dentro da área determinada para eles pastarem naquele período. Por este motivo, ela precisa ser eficaz, ou seja, como o principio dela é conter o animal através da barreira psicológica (choque) e não física, ela precisa ser forte e potente o suficiente pra que o choque percorra toda a extensão.

IMG_8070

 

Entre os muitos fatores que envolvem uma cerca elétrica rural o primeiro passo é a definição de qual tipo será a ideal para a sua propriedade. Para melhor entendimento podemos dividir em 3 tipos, que variam de acordo com o tempo que ela ficará construída e pra qual objetivo.

– Permanente: Utilizada em locais em que a cerca não precisará ser mudada, será construída e mantida no mesmo local. Normalmente utilizada onde a manutenção da pastagens é mínima, ou em grandes propriedades e que os piquetes são de grandes extensão.
– Temporária: A cerca mais utilizada, por ser mais simples a instalação e por permitir mudar no momento em que se fizer necessário.
– Sobreposição: Combinação da cerca convencional (barreira física) e da cerca elétrica (barreira psicológica). Ela é utilizada sobrepondo uma cerca já existente, para aumentar a vida útil da cerca tradicional.
No quadro abaixo descrevemos as principais diferenças:

tabela

 

Indiferente do tipo de cerca escolhido, cinco componentes são primordiais, são eles:
1. ELETRIFICADOR DE CERCA (emite a corrente pulsada)
2. CONDUTOR (fita, fio, arame, que conduz a energia)
3. POSTES (que segura o condutor)
4. ISOLADORES e terminais porteiras (isolam os palanques evitando a fuga de energia)
5. ATERRAMENTO (condutores de energia de volta para o eletrificador, importante para que o equipamento tenha garantia)

O cercamento rural embora tenha um funcionamento simples, requer o básico de conhecimento para que o sistema cumpra a sua função.

A maior dificuldade que encontramos no mercado é a falta de informação pra o produtor rural: como dimensionar o equipamento, quantos isoladores e quantos metros de fios serão necessários, quantos metros de cabo subterrâneo, e outros dados referente a quantidades necessárias para instalar a cerca do inicio ao fim. Este tipo de informação é vital para que a cerca se torne uma solução e não um problema.

Pensando também em ensinar como instalar, o canal TV Isolar no Youtube, disponibiliza quinzenalmente novos vídeos com passo a passo e dicas de instalação, como por exemplo:
-Noções gerais para dimensionar seu equipamento: 

-Instalando uma cerca com dois fios: 

-Construir a porteira de cerca: 

-Instalando a castanha: 

Outra ferramenta disponível no mercado é a calculadora de cerca Isolar, na qual ajudamos muitos produtores a dimensionar tudo que ele precisará para montar o seu pastejo rotativo, indiferente do tamanho da propriedade, esta ferramenta é utilizada por nossos vendedores técnicos que ao atender o cliente já lhe passam de forma prática e rápida tudo que será necessário.

calc

A cerca elétrica rural é viável, econômica, pratica e durável, mas, precisa ser encarada com profissionalismo. Consulte um profissional da área e saiba mais.

A Isolar também disponibiliza CURSO 100% On-line, para ensinar a a construir cercas profissionais. Saiba mais AQUi

curso

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *